Esportes

Em data histórica, Inter projeta 45 mil colorados no reencontro com o Beira-Rio

today07/07/2024 16

Fundo
share close

Acima de tudo, a volta ao Beira-Rio representa a retomada da esperança. Afastado da sua casa, do lugar onde se sente bem e apresenta o seu melhor futebol, e por isso mesmo é mais temido por seus adversários, desde o final de abril devido às enchentes que devastaram o Rio Grande do Sul, os colorados voltam ao estádio neste domingo para enfrentar o Vasco da Gama, a partir das 18h, pela 15ª rodada do Campeonato Brasileiro. A volta e o apoio da torcida representam, segundo opinião unânime entre jogadores, dirigentes e comissão técnica, a força que falta ao time colorado para subir na tabela de classificação e passar a buscar objetivos maiores tanto no Brasileirão quanto nas demais competições que há pela frente. São esperados 45 mil torcedores.

Não há toa, o clube preparou uma série de comemorações para marcar a data. Para começar, os jogadores usarão em seus uniformes um patch comemorativo criado pelo artista Gonza Rodríguez com a frase “Voltamos prá casa”, uma releitura do selo ‘O Gigante é pra já’ lançado pelo clube nos anos 1960 durante a construção do Beira-Rio. As camisetas, depois da partida, serão leiloadas. Além disso, alguns dos cerca de 600 funcionários que trabalharam nas últimas seis semanas na recuperação do estádio serão homenageados antes de a bola rolar.

Em resumo, o retorno ao Beira-Rio pode ser a força que o time colorado precisa neste momento difícil da temporada.

Coudet terá reforços para montar o time

O retorno ao Beira-Rio é um reforço e tanto. Mas há outros. O time deve receber alguns jogadores que não enfrentaram o Fluminense, na última rodada, como Bustos, Wesley e Vitão. Enner Valencia também é uma possibilidade, mas a sua presença em Porto Alegre neste domingo não depende apenas do Inter.

O clube faz um esforço de logística para trazer Valencia, que estava junto com a seleção do Equador que caiu da Copa América diante a Argentina, na quinta-feira. Após a desclassificação, ele revelou que não jogaria mais pela seleção e voltou a Quito com o grupo. A ideia é tê-lo no Beira-Rio no domingo, mas questões de logística dificultam o deslocamento até Porto Alegre. Se chegar, jogar ou não dependerá da condição física que ele estará.

Por outro lado, tudo indica que Eduardo Coudet contará com três reforços importantes. Bustos, Wesley e Vitão passarão por testes físicos durante este sábado e, se forem aprovados, podem começar contra o Vasco. A situação de Aránguiz e Thiago Maia, que também não jogaram no Maracanã, é mais complicada. “Dependo do departamento médico para montar o time, mas faremos um bom jogo em casa. Precisaremos muito da torcida, mas vamos brigar”, lamentou Coudet, após o empate por 1 a 1 com o Fluminense.

As chuvas atrapalharam os treinos de sexta-feira. Os campos do CT Morada dos Quero-Queros foram alagados, obrigando o técnico a adaptar a rotina de trabalho. Ou seja, mais um problema de última hora.

Fonte: Correio do Povo

Escrito por Jornalismo

Rate it

Post anterior

Esportes

Grêmio visita Juventude na esperança de deixar o Z4 do Brasileirão

Com a maratona de jogos, o Grêmio não tem muito tempo para lamentar o empate com o Palmeiras e já volta a campo neste domingo. A partir das 16h, enfrenta o Juventude, no Alfredo Jaconi, em Caxias do Sul, pela 15ª rodada do Brasileirão. Uma vitória na Serra Gaúcha, combinada a outros resultados, pode tirar o Tricolor, que ocupa a 18ª colocação com 11 pontos, da zona de rebaixamento. Já o Juventude está em […]

today07/07/2024 22

Comentários da publicação (0)

Deixe uma resposta

O seu email não vai ser publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *


Rádio Santa Cruz | Rua Ramiro Barcelos, 737 – Centro | Santa Cruz do Sul – RS / CEP 96810-054

Websites: Magicpage

0%